No Radi Radiação Zero

Notícias

TUDO COMEÇOU COM UMA DOR DE CABEÇA MUITO FORTE!






O cientista, pesquisador e professor da Universidade Federal de Uberlândia, o Eng. Prof. Dr. Luciano Vieira Lima, começou a se preocupar, em 2006/2007, quando sua afilhada, Nayara da Silva Costa começou a ter dores constantes de cabeça, principalmente noturnas, as quais estavam causando grande dificuldade para a mesma dormir. Chegou a tal ponto que os remédios convencionais não mais cessavam as dores de cabeça.



Fazendo um estudo desde em que as dores de cabeça começaram, Luciano testou deixar a afilhada uma semana sem o celular, o que melhorou substancialmente a dor de cabeça. Quando ela voltou a usar, no mesmo dia a dor de cabeça retornou.



Estabelecida a relação de causa e efeito, descartadas as correlações, o pesquisador começou a projetar dispositivos que minimizassem a radiação. Os testes com fones de ouvido e fones Bluetooth se mostraram ineficientes. Os mesmos continuavam a transmitir a radiação e, consequentemente, os sintomas da mesma.


Estabelecido que o maior problema da causa das dores de cabeça eram os campos eletromagnéticos e a energia térmica produzida pelo celular, em alguns meses surgiu o primeiro protótipo, o qual foi evoluindo e deu origem aos diversos modelos hoje comercializados pela Radiação Zero.







Pesquisador da UFU cria capa (protetora bloqueadora) de celular que pode ajudar na luta contra o câncer


Publicado em 07/06/2011 às 11:00



Por MGTV TV Integração
de Uberlândia



Proteção que diminui radiação ajudou num problema de família

http://megaminas.globo.com/2011/06/04/pesquisador-da-ufu-cria-capa-de-celular-que-pode-ajudar-na-luta-contra-o-cancer



O pesquisador, desde 2006/2007 já se preocupava com o problema dos celulares.


A solução sugerida pelo engenheiro eletricista Luciano Vieira Lima é muito simples.


Uma capa (protetora bloqueadora) feita com uma liga de aço e material magnético. Ela bloqueia a radiação que pode provocar o câncer.


"Entre os anos de 2008 e 2012, nós teremos atingido o tempo apropriado para começar a observar definitivamente o impacto dessa tecnologia global nos índices de câncer de cérebro", diz ele.


Usando medidores eletrônicos de radiação para fazer as medições, a reportagem da TV Integração colocou o celular sem a proteção e colocou o fone de ouvido só no sensor. Em seguida mediu que ele tinha 28% ainda de sinal e quando colocada a capa (protetora bloqueadora) ele marcou 0,0001% do valor, e 0,0001% do valor ultrapassa a expectativa de vida da pessoa, então não vai ter problema com celular.


A ideia de criar uma capa (protetora bloqueadora) que protege da radiação do celular surgiu para resolver um problema de família. Como o assunto sempre teve muita polêmica e especulação, Luciano Vieira, que é doutor em inteligência artificial pela Universidade de São Paulo (USP) e professor da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), achou por bem desenvolver o trabalho em casa mesmo, e isso começou há quatro anos.


“Cortei o celular da minha sobrinha por um mês e ela melhorou a dor de cabeça. Aí parti então para construir algum recurso, alguma capa de proteção contra essa radiação. Daí surgiu a ideia e o produto e hoje está pronto”, comenta o doutor.


Na verdade mesmo, tudo começou com um namoro. “A empolgação do começo do namoro tem aquela coisa de ficar conversando toda hora. Então falava muito falava muito no celular e foi ficando muito intensa a dor de cabeça. Eu continuei usando o celular normal com a capa (protetora bloqueadora) e aí não teve mais dores. Deu certo com a capa (protetora bloqueadora)”, afirma Nayara Costa.


O professor criou vários modelos de uso individual e coletivo.


*Nota: No texto, para coerência com o produto atual fabricado pela Radiação Zero, sempre que aparece na reportagem original a palavra capa, foi acrescentado, entre parênteses: (protetor bloqueador), que é mais coerente coma a funcionalidade do produto hoje comercializado, em nada prejudicando o sentido original da frase.:

Av Floriano Peixoto 3357, Sala 2, Bairro Brasil

CEP: 38400-704 Uberlândia – MG

Tel: (34) 3213-4823

Email: sac@radiacaozero.com.br

Compartilhe nas redes: